Todos os países da lusofonia
Advertisement

O amor perdido é como a fome. Gil Gonçalves

PDF Imprimir e-mail
Gil Gonçalves  http://patriciaguinevere.blogspot.com      O amor perdido é como a fome. Quando conseguimos comida   Saciamo-lo. Acreditamos que ele está próximo, que voltou    A comida voa sem retorno, as asas do amor também    Quando da fome me libertar, prometo amar    Até lá adquiri a certeza, tenho o direito de me revoltar    Não me deixam alimentar. Conduziram-me mal    Para o trânsito proibido onde não se pode amar    Não deixam trigo semear. Os campos estão lavrados    Armas neles vão plantar. O problema da fome está resolvido    Vão-nos eliminar, não terão despesas para nos suportar    Há tempo para disparar, para matar. Não há um segundo para amar    Grande parte do tempo da nossa vida é gasto em eleições    Sofremos com estas desilusões    Porque não há um partido político do amor Gil Gonçalves 
Acrescentar como Favorito (273) | Refira este artigo no seu site | Visualizações: 3227

Seja o primeiro a comentar este artigo
Coemntários RSS

Só utilizadores registados podem escrever comentários.
Por favor faça o login ou registe-se.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
Advertisement

Investir em Portugal Investimentos em Portugal
Aconselhamento e apoio ao investimento estrangeiro em Portugal



 
Brazil Butt Lift | Youth ATVs | cheap car hire