Todos os países da lusofonia
Advertisement

O Chalé

PDF Imprimir e-mail

Hoje se tem casa na praia
Antes era um chalé.
Sabe aqueles chalés
De tábua e mata junta,
Bem longe do chão?

Pois então, era só se abaixar
Para surpresas encontrar.

Às vezes uma bola tida como perdida,
Outras, apenas minha sombra
A se delinear...

Estes chalés pequenos
Eram muito especiais,
Pareciam de modular -
E as pessoas especiais
Estavam sempre a chegar.

O chalé da vó Rosa,
Da Lolinha ou tia Rosa,
Era como naquela elegia
Do lado esquerdo do peito
Havia sempre lugar para mais um amigo eleito.

E a bola perdida?
E a sombra delineada?

Hoje, a casa da praia,
Murada, cercada,enfeitada,
Aterrada para sujeira não mais entrar,
Não guarda a bola perdida,
Muito menos a sombra delineada,
Pois esqueceu de os sonhos aceitar.

A casa da praia,
Herança de um amor obstinado
Foi levada a formatar
Sem lembrar de alguns registros salvar...

Ainda vejo o mar,
Na areia fico a lagartear
Com a brisa a me enebriar...
Em outros rumos a caminhar...
Mas sem vontade
De na casa da praia chegar.

Marisa Fialho Shaurich

 


Acrescentar como Favorito (305) | Refira este artigo no seu site | Visualizações: 3683

Seja o primeiro a comentar este artigo
Coemntários RSS

Só utilizadores registados podem escrever comentários.
Por favor faça o login ou registe-se.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

Investir em Portugal Investimentos em Portugal
Aconselhamento e apoio ao investimento estrangeiro em Portugal



 
Www.wp-geek.org | Www.articlesdot.net | cheap car hire