Todos os países da lusofonia

Galeria Lusófona

Arte Lusófona
Literatura Lusófona
Sabores Lusófonos
Advertisement

Blogs Recomendados

Alto Hama
Pululu
Malambas

Legado Português

Portugal no Mundo
Brasil 500 anos

Empresas Destaque

Horas Lusófonas

Advertisement
Memórias de Banguecoque

Memórias de Banguecoque é o título desta seccção do Legado Português, da responsabilidade de José Martins. Um português nas terras do Sião desde há mais de 20 anos tem certamente muitas histórias para contar. Nesta secção José Martins conta-nos as suas memórias destes anos vividos no Oriente.


Leia aqui as Memórias de Banguecoque


O tempo passa por nós à velocidade do vento!
Capítulo 1
Capítulo 2
Capítulo 3
Capítulo 4



O tempo passa por nós à velocidade do vento! (Capítulo 4)

PDF Imprimir e-mail
Na viagem seguinte a Banguecoque, comigo, a Certidão de Nascimento e fui, de novo, à Embaixada de Portugal, visitar vice-Cônsul José de Souza e requerer um novo passaporte. Corria o ano de 1980. O Souza teve que render-se à evidência de me passar um novo documento de viagem. Documento que demorou 14 dias a ser emitido!
Ler mais...
 

O tempo passa por nós à velocidade do vento! (Capítulo 3)

PDF Imprimir e-mail
A magia de Banguecoque, das suas simples e atractivas gentes, fez que voltasse nas férias de 6 semanas seguintes. A capital tailandesa cativou-me. A poluição era práticamente nula. O centro banguecoquiano era atravessado, às dezenas, por veículos de três rodas e popularmente conhecidos por "tuk-tuk" e uma invenção, da imaginação fértil, do homem tailandês que adaptou, motores a dois tempos, japoneses, aplicados a bombas de àgua ou a pequenos e manuais tractores agrícolas para fazer face às necessidades de transporte urbano da cidade que hoje, no ano 2000, ronda os cerca de dez milhões de habitantes. O baptismo vem-lhe do motor de reduzido número de rotações e compassadas explosões que produziam o ruído: tuk,tuk,tuk e daí o nome do popular triciclo já famoso no Mundo.
Ler mais...
 

O tempo passa por nós à velocidade do vento! (Capítulo 2)

PDF Imprimir e-mail
Chegado, ao fim da tarde, ao acampamento denominado G6 onde 16 técnicos de várias nacionalidades e cerca de 200 trabalhadores, paquistaneses, indianos, Sri Lanka e filipinos se dedicavam à prospecção de petróleo, ao serviço da empresa multinacional, americana, Texas Instrumentos, onde eram usados os mais modernos e sofisticados aparelhos de sismica computorizados.
Ler mais...
 

O tempo passa por nós à velocidade do vento! (Capítulo 1)

PDF Imprimir e-mail
E, depois de tantas andanças, por África, durante 16 anos divididos por Angola,Moçambique e Rodhésia (Zimbabwe) e acidentalmente, em 1978, encontrei-me na Tailândia na cidade de Banguecoque.
Ler mais...
 
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Comunicados

António Marinho e Pinto - Mudar Portugal

Ler mais...

Broa de Avintes - não tem asas nem sabe voar

Ler mais...
Please login to Automatic Backlinks and activate this site.
 
Us Insurance Agents | Forlovelsesringer | Seo | الاستعلاعنالفسبك | Http://Www.Atomic-Painting.Net | cheap car hire