PortugalEmLinha logo Literatura Lusófona


            De Coração e Raça

"Sou português de coração e raça
Não há talvez maior fortuna e graça"

Sou português de coração e raça
meio século comido pela traça
fechados numa caixa
e agora ou vai ou racha
e agora ou vai ou racha

Agora vamos é ser
donos do nosso trabalhar
em vez de andar para alugar
com escritos na camisa
e o dinheiro que desliza
do salário para a despesa
compro cama vendo mesa
deito contas à pobreza

Sou português de coração e raça
meio século comido pela traça
fechados numa caixa
e agora ou vai ou racha
e agora ou vai ou racha

Agora vamos é ser
donos do nosso produzir
em vez de ter que partir
com escritos numa mala
e a idade que resvala
do nascimento para a morte
vou para o leste perco o norte
e o meu corpo é passaporte

Sou português de coração e raça
meio século comido pela traça
fechados numa caixa
e agora ou vai ou racha
e agora ou vai ou racha


Sérgio Godinho
Canções de Sérgio Godinho
Assírio e Alvim


homeVoltar à página principal

Portugal em Linha - O Ponto de Encontro da Lusofonia
Copyright © Portugal em Linha